| Acessos contador de visitas online

PT oficializa candidatura de Giselle Marques ao Governo de MS

O diretório estadual do PT oficializou neste sábado (30) o nome da advogada Giselle Marques, para disputar o governo de Mato Grosso do Sul, nas eleições deste ano. O vice ainda não foi definido.

A convenção para oficializar o nome da advogada, do candidato ao senado e dos postulantes a deputados federais e estaduais, ocorreu em clima festivo na Câmara Municipal de Campo Grande, com representantes e militantes da sigla.

“Nosso governo será voltado para as pessoas mais humildes, tenho conversado muito com o presidente Lula e ele tem dito o seguinte: ‘Nós precisamos colocar o pobre no orçamento e os ricos no imposto de renda’. Junto com Lula vou atuar em prol da justiça social no Brasil e no Mato Grosso Do Sul”, frisou Giselle. 

Além das conversas e alinhamento com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que de acordo com a sigla será o único candidato à presidência a pisar no palanque petista em Mato Grosso do Sul, a advogada, que pela primeira vez concorrerá a uma eleição, garantiu que sua candidatura terá um olhar social, voltado principalmente para a geração de empregos.

“Principal para nós é que os sul-mato-grossenses tenham empregos e salários dignos”, disse candidata“O PT ficou conhecido por ser o partido dos programas sociais, da bolsa escola, segurança alimentar, das políticas de inclusão de negros e pobres nas universidades, mas nosso foco não serão os programas sociais, vamos reforçar sim esses programas, mas o principal para nós é que os sul-mato-grossenses tenham empregos e salários dignos”, disse.

A expectativa do partido é que a escolha do vice só ocorra às vésperas do prazo final definido pela legislação, 05 de agosto. A princípio o nome escolhido será da federação partidária formada pelo PT, PCdoB e PV. “Estamos fazendo várias conversas e embora hoje seja nossa convecção teremos ainda a convenção da federação onde será definido o nome do vice. Essa semana termos todas as definições”, resumiu a candidata.

Como era esperado, o nome do professor universitário Tiago Botelho foi confirmado como candidato do PT ao Senado. Os deputados estaduais Pedro Kemp e Amarildo Cruz tentarão reeleição ao cargo. O deputado federal Vander Loubet, também disputará reeleição. A vereadora Camila Jara, tentará trocar a cadeira na Câmara Municipal de Campo Grande por uma na Câmara Federal. 

Tagged under